sábado, 16 de junho de 2018

Bolo mágico de côco e mais um aniversário ...

E assim passou mais um ano de partilhas, desafios, experiências e bons momentos passados na cozinha a fazer o que mais prazer me dá, cozinhar! Aqui sou feliz...
Para celebrar o 4º aniversário do Blog trago um bolo que foi uma estreia aqui em casa,
Bolo mágico ou como os franceses gostam de lhe chamar bolo inteligente ou invisível. Para quem não conhece o Bolo Mágico é um bolo que se prepara de uma forma relativamente normal; vai ao forno e quando se retira, sai de lá um bolo em camadas: bolo, creme e pudim! 
E não é que resulta mesmo? 
Obrigada a todos os que me acompanham nesta deliciosa aventura!
Sirvam-se de uma fatia desta perdição …
Ingredientes: 
  • 4 ovos M, à temperatura ambiente
  • 200ml de leite à temperatura ambiente
  • 250ml de leite de côco
  • 125g de manteiga derretida e já morna
  • 1 saqueta de açúcar baunilhado Vahiné
  • 135g de açúcar amarelo
  • 80g de farinha
  • 80g de côco ralado
  • 1 pitada de sal
Preparação: 
Unte uma forma de 22cm com manteiga, forre com papel vegetal.
Ligue o forno a 180ºC.
Bata as claras em castelo com o sal e reserve; 
Bata as gemas com o açúcar e o açúcar baunilhado até obter uma mistura esbranquiçada. Adicione a manteiga, derretida e apenas morna, e envolva no preparado.
Junte a farinha (peneirada) e o côco ralado e bata mais uns minutos. Deite gradualmente o leite e o leite de côco, mexendo sempre.
Incorpore as claras em castelo delicadamente na massa.
Deite a massa na forma untada e alise a parte superior. 
Leve a cozer a 150ºC, durante 50 minutos (ao sair do forno o bolo está pouco firme!). Deixe arrefecer, leve ao frigorífico pelo menos durante 2 horas (o ideal é deixar durante a noite) para solidificar a apurar sabores. Sirva fresco e, se quiser, polvilhe com açúcar em pó.

Receita adaptada da querida Sandrine do blog As várias faces da Ginja 
Delicioso!

quarta-feira, 13 de junho de 2018

Queijadas de iogurte

Queijadas é uma das receitas que mais gosto de fazer para os lanches.
Este doce verdadeiramente português tem uma textura aveludada e um sabor inconfundível e além disso são muito fáceis de fazer. Experimente estas queijadas caseiras feitas com iogurte.
Uma queijada e um copo de leite fresco combinam na perfeição!
Ingredientes para 18 queijadas : 
  • 300g de açúcar
  • 2 ovos
  • 100g de farinha de trigo
  • 50g de margarina
  • 500ml de iogurte natural (usei 1 iogurte natural e 375ml. de iogurte grego)
Preparação: 
Pré-aqueça o forno a 180ºC
Bata o açúcar com os ovos, adicione a farinha, a margarina derretida e por último os iogurtes.
Unte formas de queijada com margarina, polvilhe com farinha ou forre com formas de papel frisado e distribua a massa, tendo o cuidado de não encher muito porque depois as queijadas crescem um pouco.
Leve ao forno cerca de 45-50 minutos.
Deixe arrefecer dentro das formas.
Quando já estiverem frias polvilhe com açúcar em pó.


Receita do blog Alquimia dos Tachos
Deliciosas!

domingo, 10 de junho de 2018

Victoria sponge cake

A receita de hoje é perfeita para o chá das cinco!
Um dos grandes clássicos da pastelaria mundial é sem dúvida o famoso Victoria Sponge Cake
É um bolo simples, recheado com natas e doce de framboesa ou morango e polvilhado com açúcar em pó. Por ser o favorito da rainha Vitória, daí o seu nome, este bolo foi durante anos e anos o favorito para ser servido no "five o'clock tea", sendo um bolo elegante e que acompanha maravilhosamente com uma chávena de chá.
Confesso que não sou muito apreciadora deste tipo de bolos, mas não deixa de ser um bolo muito versátil e requintado. Aqui fica o meu para embelezar a mesa da 29ª edição do Sweet World.
Victoria Sponge Cake
Ingredientes para a esponja: 
  • 3 ovos 
  • 170g de açúcar em pó, mais extra para polvilhar
  • 170g de farinha de trigo
  • 1 c de café de fermento em pó
  • 170g de manteiga sem sal, amolecida
Para o recheio: 
  • 200g morangos
  • 80g de açúcar  
  • 100g de açúcar com Pectina
  • 150 ml de natas
  • 80g de açúcar em pó + para decorar
Preparação: 
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Unte e forre duas formas de bolo de 18 cm 
Forre o fundo das formas com um círculo de papel vegetal, unte e polvilhe.

Peneire a farinha e o fermento para um recipiente, permitindo que arejem bastante. Bata os ovos com o açúcar até estar fofo, adicionar a manteiga de seguida e bata um pouco mais até estar bem envolvido. Adicione a farinha com o fermento apenas envolvendo.

Divida a mistura uniformemente pelas formas. Use uma espátula para remover a massa restante da taça e suavemente alise a superfície dos bolos.
Coloque as formas no forno e coza por 25 minutos.

Enquanto os bolos estão a cozer, faça o doce. Coloque os morangos numa panela pequena e funda e esmague-os com um espremedor. Adicione o açúcar e deixe ferver em lume baixo até o açúcar derreter. Aumente o lume e deixe ferver por 4 minutos. Retire do lume e despeje com cuidado num recipiente raso. Deixe arrefecer e ganhar consistência.

Retire os bolos do forno e deixe arrefecer nas formas por 5 minutos. Em seguida, passe uma faca em torno do rebordo interno da forma e, com cuidado, vire os bolos numa rede de arrefecimento.
Se os bolos formarem altos acentuados no topo, apare pelo menos um, que será o disco da base.

De seguida bata as natas do recheio até ficarem firmes e adicione o açúcar.
Bata um pouco mais e coloque no frio até usar.

Para montar, coloque um disco no prato de servir e espalhe o doce por cima do disco inferior. De seguida distribua as natas generosamente. Coloque o segundo disco por cima, polvilhe com açúcar em pó e decore com morangos. Sirva. Conserve no frio.

Receita adaptada da Mary Berry
Bom apetite!

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Iogurte de gelatina

Adoro iogurtes e gelatina também. A mistura destes dois é deliciosa! 
Já há algum tempo que compro este produto, mas agora com a compra do meu novo ajudante, a Cuisine Companion da Moulinex, decidi fazê-los em casa. 
Esta é a receita que experimentei, adaptei de outros robots de cozinha.
O sabor é o que preferirmos, basta escolher a gelatina. Esta receita rende cerca de uns 7 ou 8 copinhos, dependendo da quantidade por copo e da consistência que lhe quisermos dar. Ficam uma delícia! 
No meu caso, prefiro com uma consistência de pudim, mas cada um poderá adaptar ao seu gosto (mais consistente = 2 pacotes de gelatina, mais cremoso = 1 pacote de gelatina).
O que poupamos é considerável, e além do mais sabemos o que estamos a comer. 
Cá em casa todos adoram!
Ingredientes: 
  • 1 iogurte natural
  • 2 pacotes de gelatina 
  • 1 litro de leite
Preparação: 
Coloque todos os ingredientes no copo da Companion com a lamina misturadora e programe vel. 6/ 50ºC/ 5 min.
A seguir, basta colocar nos frascos e levar ao frigorífico por apenas 3 ou 4 horas.
Bom apetite!

domingo, 3 de junho de 2018

Mousse de morango

A sobremesa de hoje tem uma textura suave e muito cremosa, além de ser pouco calórica. Por isso, mesmo quem está de dieta, pode desfrutar do prazer de se deliciar com esta maravilhosa mousse de morango.
Ingredientes: 
  • 100g açúcar
  • 300g morangos congelados
  • 2 claras bem frias
  • 2 c. de chá de sumo de limão
  • morangos partidos e algumas amoras e mirtilos para decorar
  • amêndoa triturada para decorar (opcional)
Preparação: 
Coloque o açúcar na C Companion e pulverize com a lamina de triturar/amassar 10 seg./ vel. 10
Adicione os morangos congelados e o sumo de limão e triture 30 seg./ vel. 7,8,9,10.
Insira as claras, coloque a lamina batedora e programe 3 min./ vel.5.
Leve ao frigorífico durante cerca de 1 hora até ficar bem fresco. Sirva em taças individuais e decore com morangos, amoras e mirtilos frescos.
 Bom apetite!

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Arrufada de batata doce

A receita de hoje é perfeita para experimentar neste feriado!
A receita é da querida Naida que eu adaptei para a fazer na Companion.
Imaginem o aroma maravilhoso que fica na cozinha!
Uma arrufada destas, bem fofinha e ainda morna, com manteiga ou uma fatia de queijo…hum que maravilha!! Não deixem de experimentar! 
Arrufada de batata doce
Ingredientes: 
  • 200g de batata doce
  • 120ml de leite (usei meio-gordo)
  • 40g de manteiga
  • 1 e ½ pacote de fermento de padeiro Vahiné
  • 1 ovo L
  • 1c. de chá de sal
  • 50g de açúcar
  • 400g de farinha de trigo s/fermento
  • 1 ovo batido
Preparação: 
Coloque a batata doce no copo e programe cozedura lenta p2, depois reduza a puré com a lamina picadora vel. 5 / 2 min.
Depois coloque a lamina de amassar e ao puré junte o leite, a manteiga e o fermento (desfeito em 1 c. de sopa de água morna).
Misture tudo no programa manual vel. 4/ 2 min. 
Por fim adicione o ovo, o sal e a farinha, e seleccione o programa P2 de massas e misture tudo muito bem.
Deixe levedar cerca de 1 hora ou até duplicar o tamanho.
Coloque a massa numa superfície enfarinhada e faça pequenas bolas com as mãos. Coloque-as num tabuleiro, lado a lado. Pode também fazer uma trança com a massa.
Pincele a massa com o ovo batido e leve ao forno a 180ºC cerca de 30 minutos ou até estar cozinhado.

Receita adaptada da querida Naida Folgado do Blogue Frango do Campo
 Perfeita e deliciosa!!

domingo, 27 de maio de 2018

Panquecas de coco e canela

As receitas para fazer panquecas podem variar, mas é raro alguém não se render a esta iguaria! 
São ótimas quer para um pequeno-almoço, lanche, acompanhamento de refeição ou até como sobremesa, e o melhor de tudo é que a receita é bastante simples e prática.

Panquecas de coco e canela
Ingredientes: 

  • 100g de farinha de trigo sem fermento T55 (se quiserem uma versão sem glúten usem farinha de arroz)
  • 50g de côco ralado
  • 1 c. chá de canela em pó
  • 1 c. chá de fermento em pó
  • 1 ovo M
  • 2 c. de sopa de açúcar (opcional)
  • 250ml de leite
Preparação: 
Misture todos os ingredientes num liquidificador e bata durante uns segundos. Deixe a massa repousar pelo menos 15 a 30 minutos ou de um dia para o outro no frigorífico. Aqueça uma frigideira antiaderente em lume médio e unte com óleo de côco.
Cada panqueca deverá ter em média a quantidade equivalente a uma concha de sopa. Coloque cada porção na frigideira e deixe cozinhar 1 a 2 minutos de cada lado.
Sirva com topping ou doce da vossa preferência.

Nota: a receita original não leva açúcar, mas como gulosa assumida que sou, adicionei 2 colheres de sopa. 

Receita do livro "Receitas de Tipos de Massas" da querida Rosa Cardoso, autora do Blog "Be Nice Make a Cake".
Deliciosas!