domingo, 27 de março de 2016

Folar Algarvio, de bater

Sendo eu e todos cá em casa, muito apreciadores de folares não poderia deixar de experimentar mais um! 
Este já estava em lista de espera desde a Páscoa passada.
É um Folar doce, mas quanto baste, macio e muito crocante por fora e levemente aromatizado pelas especiarias. 
Espero que gostem e aproveito para vos deixar o convite, para passarem pelo fantástico blog da Margarida.
Folar algarvio, de bater
Ingredientes: 
  • 1k de farinha c/ fermento
  • 600g de açúcar branco (usei amarelo)
  • 4 ovos
  • 1 c (sopa) de banha
  • 60g de manteiga
  • 1 c. (chá) bem cheia de canela (+ para polvilhar)
  • 1 c.(sobremesa) bem cheia de erva doce em pó
  • 200ml de leite
  • 200ml de chá de mistura de pau de canela, erva doce e anis estrelado
  • raspas de 2 limões
  • 2 pitadas de sal
  • canela + açúcar amarelo + manteiga p/ polvilhar q.b.
Preparação: 
Esta receita rende 2 ou 3 folares consoante as formas que utilizar. (Usei duas de 18cm).
Prepare o chá e reserve. Derreta a manteiga com a banha e reserve. Unte  2 (ou 3) formas de alumínio com manteiga, forre o fundo com papel vegetal e volte a untar com manteiga. Pré-aqueça o forno a 180ºC. Num recipiente grande, bata (com uma batedeira) os ovos com o açúcar, a canela, a erva doce, o sal e as raspas, até obter um creme esbranquiçado e fofo. Junte alternadamente a farinha, o leite, a gordura, o chá e continue a bater até obter um creme macio.
Deite uma camada de massa na forma, polvilhe com açúcar e canela e por cima disponha nozes de manteiga, cobra com massa e repita este processo três a quatro vezes.
Termine polvilhando a última porção de massa com a mistura de açúcar e canela e umas nozes de manteiga. 
Leve ao forno pré-aquecido cerca de 1h a 1h30 (sem ventilação).
Faça o teste do palito. Para evitar que o açúcar queime cubra com papel de alumínio no início da cozedura.


Receita do Blog Figo Lampo
Uma Doce e Feliz Páscoa para todos! 

quarta-feira, 23 de março de 2016

Folar do Algarve

A Páscoa está à porta e como é habitual não posso deixar de fazer o meu folar preferido.
Folar do Algarve, este é mais especificamente de Cabanas de Tavira.
Para mim um folar tem de levar, obrigatoriamente, erva-doce e canela! Esta conjugação de sabores é maravilhosa e se lhe adicionarmos chocolate...está tudo dito.
Folar do Algarve
Ingredientes: 
  • 1 kg de farinha
  • 500g de açúcar amarelo
  • 250g de açúcar branco
  • 135g de margarina
  • 1 chávena de leite morno
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 cubo de fermento de padeiro
  • 3 ovos L
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • raspa de 1 limão grande
  • 1 pacote de erva-doce pequeno + 1 colher de sopa
  • 1 pacote pequeno de canela
  • 125g de chocolate em pó
  • 1 cálice de aguardente bem generoso
Preparação: 
Num recipiente pequeno coloque o leite morno, adicione o fermento e mexa até que se dissolva.
Num recipiente grande misture todos os ingredientes: primeiro o açúcar e a farinha, depois faça um buraco no meio e vá adicionando o resto dos ingredientes.
Amasse tudo muito bem até que a massa se despegue do recipiente. Esta massa tem de ser muito bem batida (à mão). Tape com um pano e deixe levedar (+ ou - 3 horas em local quente).
Leve a cozer ao forno pré-aquecido a 180ºC em formas untadas com margarina e polvilhadas com farinha (usei 3 formas de 16 cm).
Durante os primeiros 30 minutos deixe cozer a 180ºC, depois reduza a temperatura para os 150ºC até ficarem cozidos.
Faça o teste do palito para ver se está cozido.


Receita dos meus amigos Fernandes
Uma Páscoa Feliz para todos!! 

segunda-feira, 21 de março de 2016

Folar de Maçã

Por aqui, já cheira a Páscoa!
Gosto muito destas épocas festivas, de juntar a família e de ter a mesa cheia de coisas boas.
Entre amêndoas, ovos de chocolate e outras iguarias, os folares são sem dúvida os mais apreciados.
Este Folar de Maçã é um dos preferidos. 


Folar de Maçã
Ingredientes: 
  • 300g de farinha   
  • 125g de margarina Vaqueiro sabor a manteiga
  • 75g de açúcar amarelo
  • 50g de amêndoa granulada
  • 225g de maçã
  • 1 ovo e 1 gema
  • 0,75dl de leite
  • ½ saqueta de fermento seco de padeiro
  • ½ colher de sopa de açúcar em pó
  • 1 pitada de sal
  • sumo de 1/2 limão
  • 1 colher de sopa de mel ou geleia (opcional)
  • canela em pó
Preparação: 
Aqueça o leite sem deixar ferver. Retire do lume e adicione metade da manteiga.
Dissolva o fermento na mistura morna de leite e manteiga. 
Coloque numa taça a farinha, o açúcar e o sal. 
Junte os ovos batidos e a mistura de leite e manteiga à farinha. Amasse até a massa ficar homogénea. Tape a taça com um pano de deixe a levedar durante duas horas, em local reservado. 
Depois de lêveda, estenda a massa, em forma de retângulo, numa superfície polvilhada com farinha.
Derreta a restante manteiga e pincele a massa.
Polvilhe com o açúcar amarelo, um pouco de canela em pó e a amêndoa.
Descasque as maçãs. À medida que se descascam regue com o sumo de limão. Corte as maçãs em pequenos cubos.
Coloque as maçãs cortadas em cima da amêndoa.
Enrole a massa de modo a obter um rolo.
Corte o rolo de massa em fatias grossas. 
Disponha as rodelas numa forma redonda, de 18 cm, untada com manteiga. Tape a forma e deixe levedar durante 30 minutos.
Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante + ou - 50 minutos.
Depois de cozido, desenforme ainda quente. 
Se gostar, pincele a superfície com mel ou geleia


A todos, votos de uma Páscoa muito feliz! 

sábado, 19 de março de 2016

Pavlova de Manga e Maracujá

Nada melhor para mimar os nossos queridos Pais que uma deliciosa sobremesa, não acham??
Para celebrar o Dia do Pai fiz esta linda Pavlova.
Só vos posso dizer que ficou uma maravilha, que combinação perfeita de sabores!
Leve, fresca e muito tropical.
Pavlova de Manga & Maracujá
Ingredientes: 
  • 6 claras
  • 220g de açúcar
  • 1 colher de chá de farinha maizena
  • 1 colher de chá de vinagre de vinho branco
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha (opcional)
Para a cobertura: 
  • 200ml de natas
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • 1 manga madura
  • 3 maracujás
Preparação: 
Ligue o forno a 180ºC.
Bata as claras em castelo. Quando estiverem bem firmes junte pouco a pouco o açúcar (cerca de duas colheres de sopa de cada vez) deixando envolver bem e sem nunca parar de bater.
Depois continue a bater durante mais uns 3 a 4 minutos ou até o merengue ficar bem robusto e brilhante, fazendo picos.
Junte a maizena e o vinagre e bata só para envolver.
Coloque nesta fase as gotas de extrato de baunilha.
Coloque o merengue sobre uma tarteira com a espátula espalhe, rodando. Faça uma cavidade ligeira no centro para facilitar a colocação da cobertura.
Coloque no forno, baixe imediatamente a temperatura para 120º e deixe cozinhar durante 1 hora.
Faça o teste do palito, este deve vir seco.
Desligue o forno e deixe o merengue arrefecer totalmente no interior.
Junte numa taça as natas acabadas de sair do frigorífico, bem frias, e bata em velocidade média até ficar chantilly - atenção que para o chantilly sair bem, não se pode bater com velocidade muito forte. Adicione o açúcar e continue a bater.
Cubra a pavlova com este chantilly, coloque a manga cortada aos cubos e os maracujás por cima.

* Na hora de servir, o chantilly tem de estar bem fresco. Coloque a cobertura só na hora.
Bom apetite e Feliz Dia do Pai! 

quarta-feira, 16 de março de 2016

Salada de Polvo

Hoje, trago um petisco muito conhecido e apreciado por muitos de nós.
Salada de polvo, que também é sinonimo de bom tempo e refeições leves e saudáveis.
Aqui por casa os pratos de polvo são sempre muito bem-vindos.
Salada de Polvo
Ingredientes: 
  • +/- 2 kg de polvo limpo
  • 2 cebolas novas /roxas médias
  • sal q.b.
  • salsa ou coentros frescos
  • pimenta q.b
  • azeite 
  • vinagre ou limão 
Preparação: 
Coza o polvo com um pouco de sal, durante 45 minutos.
Depois de cozido, deixe arrefecer na água da cozedura.
Depois de frio, corte-o em pedaços pequenos.
Com o cortador de legumes da Borner pique as cebolas e junte à salada.
Espalhe a pimenta por cima e regue com uma quantidade generosa de um bom azeite, adicione também umas gotas de limão ou vinagre.
Por fim polvilhe com salsa ou coentros picados
Envolva tudo e leve ao frigorífico. Sirva frio.
Não deixem de experimentar!
Bom apetite!