sexta-feira, 24 de junho de 2016

Gelado de Açafrão e Canela

É verão, está calor e nada melhor que uma sobremesa fresquinha e deliciosa para vos deixar com água na boca! 
Hoje trago uma receita de gelado bem diferente do habitual, Gelado de Açafrão e Canela que é muito simples de fazer. 
E com esta receita participo, uma vez mais, no desafio do grupo " Cantinho das Cozinheiras".
Gelado de Açafrão e Canela
  • 200 ml de natas 
  • 50 ml de leite gordo
  • 2 gemas M
  • 60 grs de açúcar
  • 2 paus de canela
  • 1 colher de café de açafrão em pó Margão
Junte as natas e o leite numa tacho e leve ao lume. 
Adicione os paus de canela e o açafrão.
Numa taça bata as gemas e o açúcar até obter um creme leve e fofo.
Assim que a mistura de nata levantar fervura retire do lume.
Retire os paus de canela.
Com uma colher, misture aos poucos as natas na mistura de ovo, mexendo sempre.
Quando estiver tudo misturado leve de novo a lume brando até engrossar.
Não pare de mexer, até notar que o creme engrossou um pouco.
Passem o creme por um passador de rede fina e coloquem-no no frigorífico até estar completamente frio. Gelem seguindo as indicações das vossas sorveteiras.

Receita do blog Cromas na Cozinha

Que maravilha de gelado!
Não deixem de experimentar!

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Cupcakes de Nutella

Hoje trago uma receita que faz sucesso entre a criançada!
Nada mas simples e delicioso que uns gulosos Cupcakes de Nutella.
Estes bolinhos de origem inglesa, chamados de Fairy Cake, ou Bolo de Fadas, têm este nome devido ao seu tamanho, que por serem pequenos, parecem feitos para fadas.
Nos Estados Unidos são mais conhecidos como Cupcakes ou Bolo de Copo (ou caneca).
Cupcakes de Nutella

Esta receita rende 24 cupcakes:
  • 2 chávenas de chá de açúcar
  • 4 ovos grandes
  • 2 chávenas de chá de farinha 
  • 1 chávena de óleo
  • 2 colheres de chá de fermento 
  • 200 grs de chocolate Pantagruel
  • 3/4 de chávena de água quente
  • Nutella q.b. para a decoração
Coloque as formas de papel frisado na forma de cupcakes e reserve.
Em banho-maria derreta a barra de chocolate e mexa.
Numa tigela à parte bata os ovos com o açúcar até obter uma mistura fofa e volumosa.
Noutra taça, peneire a farinha e o fermento.
Junte ao preparado dos ovos, o óleo e mexa bem.  
Adicione o chocolate totalmente derretido.  
Adicione por partes a farinha, envolvendo sem bater, em movimentos de dentro para fora.
Quando a massa formar bolhas está perfeita.
Por fim, com muito cuidado vá adicionando a água quente aos poucos e mexa muito bem até ficar uma mistura homogénea mas um pouco líquida.
Verta a massa para as formas de papel frisado (apenas 2/3 da capacidade) e leve ao forno cerca de 40 minutos dependendo dos fornos. Faça o teste do palito.  
É importante que estejam atentos, não o deixem secar, para ficarem húmidos e fofos.
Depois de cozidos deixe arrefecer numa grelha.
Leve a Nutella a derreter um pouco no microondas (+ ou - 1 minuto).

Por fim, cubra os cupcakes com a cobertura.
Bom apetite!

sábado, 18 de junho de 2016

Tarte de Espinafres, Espargos e Ricota

As tartes salgadas são uma ótima sugestão para uma refeição que se queira leve mas saborosa.
As combinações possíveis têm como limite a nossa imaginação... e desta vez os eleitos foram: espinafres, espargos e ricota!
Uma tarte salgada fica sempre bem em qualquer ocasião e esta vai direitinha para o desafio " Junho é mês de espinafres" da querida Marta, do blog Intrusa na Cozinha.
Tarte de Espinafres, Espargos e Ricota
  • 1 massa quebrada de compra
  • 3 ovos L
  • 40 grs. de queijo ralado
  • 1 iogurte natural
  • ½ pacote de natas
  •  de um pacote de ricota, esfarelado
  • 20 grs de espinafres limpos
  • 1 molho de espargos
Coloque os ovos numa taça e bata com um fouet.
Junte o queijo ralado, o iogurte e as natas e misture bem. 
Comece por arranjar os espargos (parta-os em varias partes) e os espinafres. Depois num tacho com água temperado com uma pitada de sal, coza os espargos e os espinafres por alguns minutos.
Escorra tudo muito bem. Esprema bem e pique os espinafres. Reserve.
Adicione a ricota, os espargos e os espinafres e misture bem até ficar homogéneo.
Deite o preparado, com cuidado, sobre a massa quebrada e leve ao forno pré aquecido a 180˚C por cerca de 40 minutos ou até que a superfície esteja dourada. 
Bom apetite!

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Fraisier de Morango

Há receitas que nos deslumbram, mas nem sempre conseguimos executá-las na perfeição!
Foi precisamente o que me aconteceu com esta receita, fiz tudo como estava na receita, mas por qualquer distração ou falha minha não resultou na fase da montagem.
Na cozinha é assim mesmo, umas vezes corre bem noutras nem por isso, é errar para aprender!
E o desafio do Sweet World tem como principio mostrar as dificuldades e progressos que fazemos na nossa cozinha e como tal aqui está o meu Fraisier que ficou delicioso, apesar de menos bonito.
Fraisier de Morango
Genoise:
  • 3 ovos M
  • 60 grs de farinha (s/ fermento)
  • 60 grs de açúcar
  • 1 colher de sopa de açúcar baunilhado
  • 15 grs de maizena
  • 20 grs de manteiga sem sal
Creme Mousseline / Recheio:
  • 350 ml de leite
  • 160 grs de açúcar
  • 2 ovos L + 1 gema L
  • 50 grs de Maizena (amido de milho)
  • 180 grs de manteiga, à temperatura ambiente
  • ½ vagem de baunilha
  • 2 colheres de chá de Kirsch (usei rum)
Xarope de Limão: 
  • 100 grs de açúcar
  • 100 ml de sumo de limão
Decoração:
  • 400 grs de morangos
  • massapão verde da Vahiné
Prepare esta receita na véspera numa forma de aro de 20 cm.
Aqueça o forno a 180ºC.
Comece por preparar o bolo batendo as gemas com os açúcares durante alguns minutos, até obter um creme esbranquiçado. 
Bata as claras em castelo bem firme. Envolva as claras delicadamente, assim como as farinhas.
Retire uma boa colherada de massa e envolva com a manteiga derretida, até obter uma mistura cremosa. Deite esta mistura e envolva muito bem na restante massa.
Leve ao forno a 180ºC, numa forma forrada com papel vegetal, durante 20 minutos.
Quando estiver frio, corte ao meio.

Entretanto, num tacho pequeno, coloque o açúcar e o sumo de limão em lume médio até levantar fervura e o açúcar derreter por completo, reserve.

Para o creme Mousseline, ferva o leite com metade do açúcar e a vagem de baunilha aberta e deixe em infusão. Bata os ovos + gema com o restante açúcar, junte a maizena e bata mais um pouco. Por fim junte um pouco do leite bem quente e mexa bem.
Junte o restante leite e leve ao lume para engrossar, mexendo vigorosamente com uma vara de arames, durante uns 3 minutos. Coloque numa taça e tape com película aderente mesmo colada ao creme e deixe arrefecer completamente até ficar à temperatura ambiente. Nessa altura, junte a manteiga, uma colher de cada vez, e bata com a batedeira, durante uns minutos até obter um creme tipo mousse, ou seja um creme mais leve e fofo.
Por fim adicione o Kirsch e bata mais um pouco. 
Neste ponto estará pronto a usar. 

Atenção: O creme pasteleiro e a manteiga deverão estar à mesma temperatura (ambiente).

Montagem: Corte as duas metades de bolo. No prato de servir, coloque o aro e uma metade de bolo na base. Pincele abundantemente a base com o xarope de limão.
Forre a forma com acetato ou papel vegetal.
Disponha metades de morango, bem juntinhas encostadas ao aro da forma.
Espalhe um pouco de creme na base e tape bem os morangos com o creme, à volta junto ao aro. Cubra o fundo de bocados de morango e cubra novamente com o creme e nivele bem. 
Reserve um pouco de creme para o fim, caso seja necessário alguma retificação. Coloque a outra metade de bolo, encaixá-la bem de forma a ficar direita e pincele com o restante xarope de limão.
Barre ligeiramente o topo do bolo com o restante xarope de limão para que a pasta de amêndoa possa ficar bem selada. Leve ao frigorífico no mínimo uma noite inteira. No dia seguinte, antes de desenformar passe o bico da faca à volta do aro e desenforme com cuidado. Estenda a pasta de amêndoa (massapão) numa superfície lisa com um pouco de açúcar em pó. Com o aro, corte um círculo do mesmo diâmetro e coloque no topo do bolo, alisando bem. 
Com os restantes morangos decore a gosto.

Nota: no meu caso acho que deixei cozer o creme de mousseline um pouco demais e este engrossou mais do que devia, rendendo menos. A forma que utilizei foi de 22 cm, o que fez com que o creme não fosse suficiente para cobrir os morangos na totalidade ficando um bolo irregular quando coloquei a segunda metade do bolo.

Receita da querida Lia do blog Lemon and Vanilla 
Nota: Como podem ver os morangos não ficaram incorporados no creme mousseline e o segundo disco ajudou a empurrá-los.
Deliciem-se! 

sábado, 11 de junho de 2016

Vol-au-Vents

Para um lanche de amigos, fiz uma receita que foi uma estreia cá em casa. 
Estes pequenos cestos de massa folhada, mais conhecidos por vol-au vents, foram bastante apreciados por todos! 
Vol-Au-Vents
  • 1caixa de massa folhada para 12 vol-au-vent 
  • 1 cebola pequena
  • azeite q.b.
  • 100 g de folhas de espinafres
  • 1 lata de atum
  • 6 cogumelos pequenos laminados  
  • 2 colheres de polpa de tomate
  • 1 colher de sopa de queijo mozzarella ralado
  • 1 colher de sopa de queijo parmesão ralado
  • Molho béchamel q.b.
Comece por colocar o azeite num tacho com a cebola picada. 
Deixe refogar um pouco. De seguida adicione o atum bem escorrido.
Deixe cozinhar, mexendo sempre durante 1 a 2 minutos.
Adicione os espinafres, deixe cozinhar até que murchem para perderem o volume e a polpa de tomate. 
Mexa, adicione os queijos e deixe cozinhar um a dois minutos.
Por fim, retire do lume e adicione o molho béchamel. 
Distribua o recheio pelas caixas de massa folhada e leve ao forno durante 10 minutos. 
Sirva ainda quente.

Receita adaptada do blog Cinco Quartos de Laranja
Bom apetite!

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Panna Cotta de Manga

Nasci na Primavera  e é esta a estação que me inspira. As ideias fervilham com as cores e sabores que me rodeiam e a cada experiência conquistam-se novos e saborosos resultados.

Sem dúvida, esta Panna Cotta de Manga é uma daquelas sobremesas que é paixão à primeira colherada!
Panna Cotta de Manga
  • 1 pacote de natas 
  • 100 gr de iogurte natural
  • 45 gr de açúcar
  • 1 vagem de baunilha
  • 2 e ½  folhas de gelatina 
Cobertura/Recheio:

  • 1 embalagem de Dulcis recheio de manga
Comece por amolecer a gelatina em água fria.
Numa caçarola pequena aqueça as natas com o açúcar e a vagem de baunilha aberta e sementes raspadas. Quando começar a ferver, retire do lume.
Remova a vagem, junte a gelatina espremida e misture vigorosamente com um fouet. Deixe arrefecer.
Junte o iogurte e misture bem.
Coloque um pouco de Dulcis recheio de manga no fundo da taça e depois o creme de panna cotta
Leve ao frigorífico até solidificar ou ao congelador para ser mais rápido.
Distribua o Dulcis recheio de manga por cima da panna cotta de forma a obter uma camada homogénea.
Coloque, novamente, no frigorífico até à hora de servir.

Receita da Panna Cotta do blog Coco e Baunilha
Deliciem-se!!

domingo, 5 de junho de 2016

Ervilhas Com Ovos Escalfados

Este é um prato que na sua simplicidade resulta na perfeição!
Para dias em que não nos apetece nada elaborado, para dias de maior pressa, este clássico é sempre uma boa opção.
Este é daqueles pratos que agrada miúdos e graúdos!
 Ervilhas com Ovos Escalfados
  • 4 ovos
  • 1 cebola média picada
  • 1 dente de alho picado
  • 200 gr. de tomate
  • 50 gr. de azeite
  • 150 gr. de bacon, cortado em tiras
  • 1 kg de ervilhas congeladas
  • 2 batatas médias cortadas em cubinhos
  • 3 dl de água
  • sal e coentros q.b.
Num tacho, leve ao lume o azeite, a cebola, e o dente de alho, e deixe a cebola alourar.
Adicione o tomate cortado em pedacinhos e deixe refogar tudo.
Junte o bacon ao refogado e deixe que este liberte a gordura.
Adicione as ervilhas e envolva no refogado e depois junte a água.
Adicione as batatas, tape o tacho e deixe cozinhar durante cerca de 20 minutos.
Parta os ovos um a um e coloque-os no tacho, sobre as ervilhas.
Deixe-os escalfar, tapando o tacho e deixe ferver mais 6 minutos.
Por fim polvilhe com coentros picados e sirva.

Receita da minha Mãe 
Bom apetite!