quarta-feira, 27 de abril de 2016

Crinkles de Limão

Há receitas que nos conquistam tanto pelo aspeto como pelo seu delicioso sabor!
Foi o caso destas maravilhosas Crinkles de Limão, perfumadas e de ligeiro sabor a limão, são absolutamente irresistíveis.
Crinkles de Limão

  • 145 gr de  farinha
  • 115 gr de açúcar
  • raspa de 2 limões biológicos
  • 1 colher de chá de extrato de limão (não tinha, coloquei umas gotas de limão)
  • 2 ½ colheres de sopa de óleo vegetal
  • 1 ovo grande
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 1 pitada de sal
  • açúcar em pó para a decoração
Comece por aquecer o forno a 180ºC e forre um tabuleiro com papel vegetal.
Coloque uma boa quantidade de açúcar em pó num prato fundo.
Numa taça grande combinar os restantes ingredientes.
Com as mãos forme bolas do tamanho de bolas de ping-pong.
Passe as bolas pelo açúcar em pó, tendo o cuidado de as deixar com uma boa camada de açúcar.
Coloque-as no tabuleiro de forma a ficarem distantes umas das outras e achate-as ligeiramente com as palmas das mãos.
Leve ao forno durante 12 minutos e depois de cozidos deixar arrefecer em cima de uma rede.

Receita da querida Lia do blog Lemon and Vanilla
Continuação de boa semana para todos!

domingo, 24 de abril de 2016

Trança de Legumes

Todos os motivos são bons para aproveitarmos ao máximo os dias de sol e calor que a Primavera nos dá! E para o desfrutarmos em pleno, nada melhor que uma refeição leve e bem saborosa como esta Trança de Legumes.
Trança de Legumes
Para 2 tranças:
  • 2 placas de massa folhada
  • 150 gr carne porco picada
  • 1/2 couve coração média
  • 1 cebola média
  • 1 gema de ovo
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • ¼ farinheira esmagada
  • cogumelos laminados q.b.
  • 1 cenoura ralada
  • sementes de sésamo q.b

Comece por refogar 1/2 cebola com um pouco de azeite e de seguida junte a carne picada e umas pedrinhas de sal (não muito, pois a farinheira já tem sal), deixe cozer mexendo de vez em quando. Depois de cozido misture a farinheira e esmague com o garfo de forma a mistura-la com a carne. Reserve.

Depois, com a ajuda da mandolina da Borner pique a cebola, lamine a couve e os cogumelos e rale a cenoura. Reserve. 
 Num tacho junte o azeite, e quando este estiver quente, junte ½ cebola picada e deixe alourar.
De seguida, junte a couve e deixe cozinhar até ficar macia. 
Tempere com umas pedrinhas de sal. 
Junte os restantes legumes no tacho misturando-os muito bem. Deixe cozinhar cerca de 10 minutos. Retire do lume e deixe arrefecer por completo.

Junte a carne ao preparo de legumes e misture tudo muito bem.
Depois de ter o recheio frio, estenda a placa de massa folhada, e coloque o recheio no centro, no sentido do comprimento.
Feche a massa folhada (eu cortei em tiras, para dar a aparência de trança). 
Pincele a parte de cima da massa com a gema de ovo.
Polvilhe com sementes de sésamo.
Leve a forno pré-aquecido a 180.ºC cerca de 20 minutos ou até o folhado começar a alourar.
Bom apetite!

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Bolo Chanel

O bolo de hoje é simples de confecionar, ideal para acompanhar com uma bela chávena de chá ou de café, tanto ao pequeno-almoço como a meio da tarde, com a família ou amigos à volta da mesa!
A receita desta maravilha, surge com o desafio mensal "A Cozinhar com..." do grupo Cantinho dasCozinheiras que é um grupo do Facebook, que todos os meses escolhe um blog como fonte de inspiração. A esteia deste mês vem do blog As Receitas da Selene.
Bolo Chanel
  • 200 gr de cenoura
  • 1/2 chávena de óleo
  • 1/2 chávena de leite
  • 2 chávenas de açúcar
  • 2 chávenas de farinha
  • 5 gr de canela
  • 60gr de côco ralado (usei 20 gr)
  • 1 colher de sobremesa de fermento
  • 4 ovos
Com uma mandolina (usei a da Borner) rale a cenoura.
Numa taça grande junte os ovos, o açúcar, o leite e o óleo e bata.
Adicione a farinha, o fermento, o côco, a canela e envolva tudo muito bem.
Por fim, junte a cenoura e envolva.
Unte uma forma de chaminé com margarina e polvilhe com farinha.
Leve a cozer ao forno pré aquecido a 180º C durante + ou – 45 minutos.
Faça o teste do palito.
Derreti um pacote de cobertura sabor a chocolate da Vahiné para barrar o bolo. (opcional)
Delicioso!!
Continuação de boa semana para todos!

sábado, 16 de abril de 2016

Simnel Cake

Mesmo depois de passada a quadra da Páscoa não poderia deixar de experimentar este fantástico Simnel Cake e assim, também, participar em mais uma edição do Sweet World
É um bolo de frutos secos, aromatizado de especiarias e raspa de citrinos, recheado e coberto por uma fina camada de massapão.

Não deixem de experimentar, pois tem uma combinação perfeita de sabores!
SIMNEL CAKE

Massapão:
  • 90 gr de açúcar em pó + algum para polvilhar
  • 90 gr de açúcar
  • 1 ovo grande, ligeiramente batido
  • Extrato de amêndoa, algumas gotas a gosto
  • 1 colher chá de brandy 
  • 175 gr de amêndoa ralada
Massa do Bolo:
  • 225 gr de farinha
  • 1 colher sobremesa de fermento
  • 1 colher sobremesa (bem cheia) de mistura de especiarias (usei canela, gengibre e noz moscada)
  • 175 gr de manteiga amolecida
  • 175 gr de açúcar amarelo
  • 3 ovos, grandes
  • 3 colheres sopa de leite
  • 120 gr de sultanas
  • 70 gr de arandos
  • 80 gr de amêndoa inteira, tostada e sem pele
  • Raspa de 1 laranja e 1 limão 
Massapão- Peneirar o açúcar em pó juntamente com o açúcar "normal". Juntar ao ovo e mexer um pouco. Colocar a mistura sobre um recipiente com água a ferver e mexer durante 10 minutos, até a mistura ficar macia e mais espessa.
De seguida retirar do calor e colocar o recipiente em água fria, até cerca de 5 cm de altura.
Acrescentar o extrato de amêndoa e mexer sempre até o preparado esfriar completamente.
Nesta altura acrescentar a amêndoa ralada e, numa superfície polvilhada com açúcar em pó (usei um tapete de silicone), amassar até formar uma pasta firme e uniforme.
Retirar a quantidade necessária e, igualmente sobre uma superfície ligeiramente polvilhada com açúcar em pó, com o rolo pressionar, virando sempre em quartos de volta, de modo a criar a forma redonda pretendida. Quando estiver no tamanho certo usar. Para este bolo são necessários dois círculos.

Para o bolo, pré-aquecer o forno a 150ºC. Untar com manteiga e forrar com papel vegetal o fundo de uma forma redonda de aro amovível (usei de 20 cm). Reservar.
Peneirar bem alto a farinha, o fermento e a mistura de especiarias para um recipiente, de forma a arejarem bastante. De seguida acrescentar a manteiga, o açúcar e os ovos e bater cerca de 1 minuto, até a mistura ficar macia e cremosa. Acrescentar o leite e mexer.
Delicadamente misturar na massa os frutos e a raspa dos citrinos e envolver.
Verter o preparado na forma e alisar a superfície com as costas de uma colher. Pegar noutra folha de papel vegetal, fazer um pequeno buraco ao centro, de cerca de 2-3 cm de diâmetro, e colocar sobre a forma, no topo, sem tocar na massa. 
Levar ao forno cerca de 1.30 hora, até a massa ao centro se encontrar firme. 
Retirar do forno, deixar arrefecer cerca de 15 minutos, desenformar e deixar arrefecer sobre uma grelha de arrefecimento.
Estender o massapão e cortar dois círculos, um com 20 cm de diâmetro.
Cortar o bolo em 2 partes. Pincelar a fatia inferior do bolo com doce aquecido (usei geleia de romã) e colocar o círculo de 20 cm sobre a fatia, voltar a pincelar ligeiramente o massapão e cobrir com a segunda fatia. Pincelar a superfície com doce e colocar o 2º círculo o por cima. Com os dedos criar o efeito ondulado na massa. (se se pretender dar o efeito ondulado típico e presente em muitas receitas, o círculo superior deverá ficar um pouco maior, neste caso, com cerca de 22 cm de diâmetro).
Fazer 12 bolinhas de massapão e distribuir de forma equidistante, próximo do limite exterior da superfície do bolo. Para finalizar queimar as bolinhas e o massapão, a gosto, com o maçarico.  

Notas da Susana: se acharem o massapão demasiado mole quando o passarem para a bancada de trabalho, basta aguardar 15-20 minutos que endurece o suficiente para se trabalhar. 

Nota_1: as bolinhas agarraram bem sem nenhum tipo de "cola", mas algumas receitas recomendam o uso de gema de ovo batida para as colar.
Nota_2: em várias receitas que encontrei o tempo de cozedura era sempre elevadíssimo. Aconselho a que quando sentirem o bolo bem firme e a massa seca ao teste do palito, o retirem do forno.

Receita do Blog Basta Cheio
Uma verdadeira tentação!!

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Semifrio de Morango

E chegou Abril, o mês dos dias bonitos, cheios de cor e de luz, um mês que nos brinda com a tão esperada Primavera( que este ano tarda em chegar) , e de mais um aniversário. 
E para o comemorar fiz este Semifrio de Morango, que por sinal gostei bastante!
Foi assim, um bonito dia de Primavera, na companhia de bons amigos e da minha querida familia!
Semifrio de Morango
Genoise de Amêndoa:
  • 3 ovos à temperatura ambiente
  • 110 g de açúcar
  • 20 g de manteiga
  • 25 g de amêndoas moídas
  • 110 g de farinha
  • 1 colher de chá de fermento

Xarope:
  • 100 ml de água
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • 1 colher de sopa de rum

Creme de Morango:
  • +/-200 g de morangos*
  • 270 g de morangos (pesados já arranjados)
  • 200 ml de natas
  • **1+1/2 colheres de sopa de sumo de limão
  • 2 iogurtes naturais (2*120g)
  • 130 g de açúcar
  • 1 colher chá de açúcar baunilhado
  • 6 folhas de gelatina incolor

Genoise de Amêndoa:
Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Forre o fundo de uma forma redonda de 22cm, com papel vegetal e unte a forma com manteiga.
Derreta a manteiga e deixe arrefecer.
Numa taça resistente ao calor, coloque os ovos e o açúcar. 
Leve a aquecer em banho maria até o açúcar ficar dissolvido (aproximadamente 2 minutos).
Retire a taça do banho maria e com uma batedeira bata durante 5 minutos até obter uma mistura com o triplo do volume e espessa.
Peneire a farinha com o fermento. 
Delicadamente com uma espátula envolva a farinha e as amêndoas moídas na mistura dos ovos.
Posteriormente envolva a manteiga até obter uma mistura homogénea.
Coloque a massa na forma previamente preparada e leve ao forno até estar cozido (teste do palito no centro do bolo).
Se necessário, durante a cozedura tape com uma folha de alumínio.
Retire o bolo do forno e deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.

Xarope:
Num tachinho, misture a água com o açúcar e leve ao lume até o açúcar dissolver completamente. Retire do lume e junte o rum. Deixar arrefecer antes de utilizar.

Montagem:
Lave bem os morangos, escorra-os, retire o pé e seque com cuidado em papel de cozinha. Corte os morangos ao meio.
No prato de servir coloque um aro de semifrio de 22 cm de diâmetro (deve ter o mesmo tamanho que as camadas de bolo), posteriormente coloque uma camada de bolo dentro do aro.
Com a ajuda de um garfo pique toda a superficie do bolo e regue com o xarope de rum.
Disponha os morangos na lateral do aro. 
Prepare o recheio de morango.

Recheio de Morango:
Triturar os morangos com 1/2 colher sopa de sumo de limão. 
Passe os morangos triturados por um passador de rede fina.
Coloque as natas, numa taça bem limpa e seca.
Junte às natas, o sumo de limão e bata-as com a batedeira na velocidade máxima.
Quando estas começarem a espessar, junte aos poucos o açúcar.
Bata até ficar bem firme.
Junte às natas, os iogurtes e os morangos triturados e envolva suavemente com uma vara de arames.
Coloque as folhas de gelatina de molho em água fria (devem ficar completamente hidratadas). 
Escorra as folhas de gelatina e dissolva-as em 2 colheres de sopa de água quente. Deixe arrefecer um pouco.
Dissolva um pouco da mistura das natas na gelatina.
Posteriormente, junte a gelatina à mistura das natas e envolva muito bem. Leve o creme de morangos ao frigorífico, até começar a solidificar um pouco.
Coloque o recheio de morango no aro do semifrio e leve ao frigorífico até solidificar totalmente.
*A quantidade de morangos pode variar um pouco consoante o tamanho dos morangos. Escolha morangos de tamanho médio e com tamanho semelhante entre si.
Pesei os morangos depois de arranjados.
**Para bater as natas bem firmes, colocar no congelador 20 minutos antes de utilizar.

Receita do blog Baunilha e Caramelo
Que venham mais e doces como este bolinho!
Um grande beijinho para todos/as ;)

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Pasteis de Bacalhau

Hoje, trago um clássico da gastronomia portuguesa, onde o bacalhau é rei e combina com o fresco aroma da salsa.
Uma ótima sugestão para levar para um piquenique ou até mesmo na marmita.
Pastéis de Bacalhau
  • 1 posta de bacalhau
  • 3 ovos
  • 6 batatas médias
  • 1 cebola pequena picada
  • 2 colheres de sopa de leite
  • 1 pitada de sal
  • 1 ramo de salsa
  • pimenta q.b.
Coza o bacalhau e tire-lhe a pele e espinhas. Desfie-o.
Numa panela, coza as batatas com casca e cortadas ao meio. Depois de cozidas pele as batatas e reduza-as a puré.
Numa tigela, junte o bacalhau desfiado, o puré de batata, a salsa e a cebola picada. Misture tudo muito bem e tempere com sal. Adicione então os ovos, um a um e mexendo muito bem até ficar homogéneo.
Com 2 colheres de sopa molhadas em óleo fervente, molde os pastéis, passando a massa de uma colher para a outra, e frite-os  em óleo bem quente até alourarem.
Retire, coloque em cima de papel de cozinha para escorrer e sirva decorado a gosto.
Bom apetite!

sábado, 2 de abril de 2016

Bolo de Ananás

Adoro a Primavera, a luz e o verde que inunda a paisagem.
Gosto de todas as estações, mas esta é sem dúvida a minha preferida.
Hoje, trago uma receita bem primaveril, cheia de cor e sabores bem frescos.
Bolo de Ananás
 Massa para o bolo:
  • 1 iogurte grego
  • 3 copos de açúcar
  • 2  e ½ copos de farinha
  •  2/3 copo de óleo
  • 5 ovos M
  • raspa de um limão
Recheio e cobertura:
  • 2 pacotes de natas
  • 3 colheres de sopa de açúcar
  • 1 lata de ananás pequena
  • calda de ananás
  • sumo de 1 laranja
Comece por pré-aquecer o forno a 180ºC.
Numa taça, bata o iogurte com o açúcar. Depois adicione os ovos um a um e bata bem.
Junte a raspa de limão e a farinha aos poucos. Misture bem e por fim junte o óleo.
Leve a cozer em forma untada com margarina e polvilhada com farinha, durante + ou – 45 minutos. Faça o teste do palito.
Depois de cozido deixe arrefecer. Parta o bolo em duas ou três partes iguais e reserve.
Bata as natas em chantilly, depois de bem firmes adicione aos poucos o açúcar. Reserve.
Retire as rodelas de ananás da lata e corte -as aos bocadinhos. Deixe 2 ou 3 para a decoração.
Faça o sumo de laranja e junte à calda de ananás.
No prato de servir, comece por colocar uma parte do bolo. Pique o bolo com um garfo e regue-o com uma parte da calda. Barre com chantilly e distribua alguns bocadinhos de ananás. Repita o mesmo processo com as restantes partes do bolo. Depois de recheado, barre o bolo todo com o restante chantilly. Coloque as rodelas de ananás a gosto.
Guarde no frigorífico até à altura de servir.
Bom apetite!