quarta-feira, 18 de julho de 2018

Bolo Chajá de pêssego e suspiros

A sobremesa de hoje é um doce típico do Uruguai e nasceu em 1927, pelas mãos de Orlando Castellano, proprietário da Confeitaria Las Familias, na cidade de Paysandu.
O bolo foi batizado de acordo com um estranho pássaro da região, o “El Chajá”, também conhecido como “o gritador com crista”.
Trata-se de um bolo simples onde as camadas de sponge cake são recheadas com chantili, pedaços de pêssego, preferencialmente de lata, doce de leite (opcionalmente) e suspiros.
Este doce bem fresco com os ingredientes sazonais a condizer com a época do ano é o desafio da 30º edição de Verão do Sweet World.
Bolo Chajá de pêssego e suspiros
Massa para o bolo: 
  • 1 iogurte natural
  • 3 copos de açúcar
  • 2 e ½ copos de farinha
  • 2/3 copo de óleo
  • 5 ovos M
Recheio e Cobertura: 
  • 300g de pêssego de calda
  • 300ml de natas para bater, bem frias
  • 100g de açúcar em pó
  • 1 c. de sopa de sumo de limão
  • 5 suspiros grandes (usei de compra)
Preparação: 
Comece por pré aquecer o forno a 180ºC.
Numa taça, bata o iogurte com o açúcar. Depois adicione os ovos um a um e bata bem.
Junte o óleo e misture bem, por fim adicione a farinha e envolva até ficar homogéneo.
Leve a cozer em duas formas de 18cm untadas com margarina e polvilhadas com farinha, durante + ou – 35 minutos. Faça o teste do palito.
Depois de cozidos deixe arrefecer.  
Depois dos discos do bolo prontos, comece a preparação dos ingredientes para o recheio e cobertura.
Bata muito bem as natas até estarem firmes (coloque-as 10 minutos no congelador antes de bater). Acrescente o açúcar em pó e uma colher de sopa de sumo de limão e bata um pouco mais. Leve ao frio 30 minutos antes de usar.
Com as mãos, desfaça grosseiramente os suspiros, garantindo que ficam alguns pedaços firmes e não tudo demasiado desfeito (foi o que me aconteceu!). 

Corte os pêssegos de lata em fatias (para rechear o bolo) no caso da cobertura, como o bolo era pequeno, parti em cubos pequenos e reserve.

Montagem:  barre a superfície de um dos discos de bolo com a calda de pêssego. Coloque o outro disco no prato de servir e recheie abundantemente com chantili, espalhe pedaços de suspiros por cima e pedaços de pêssego. Coloque o outro disco, previamente barrado pela calda, por cima. De seguida barre generosamente todo o bolo – laterais e topo – com o restante chantili, e finalize com a aplicação de pedaços de suspiros em toda a lateral (aqui é que correu mal, não consegui fazer com que os pedaços de suspiro aderissem). Decore o topo com fatias/pedacinhos de pêssego e finalize com suspiro, espalhando a gosto. Leve ao frigorífico até servir.

Receita adaptada da querida Lia, do blog Lemon & Vanilla 
 Bom apetite!

6 comentários:

  1. Que lindo que ficou o teu bolinho eu infelizmente não consegui fazer :(
    Para o dia 20 mas vou faze lo com toda a certeza parece me uma otima opção para estes dias de verão.
    Beijinho
    Elsa
    https://flor-de-rosmaninho.blogspot.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Elsa, não deixes de experimentar este maravilhosos bolo!
      É um bolo perfeito para saborear nos dias quentes de Verão.
      Obrigada e um grande beijinho,

      Paula G.

      Eliminar
  2. Que bom aspecto!
    Beijinhos.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Ana!
      Beijinhos e bom fim de semana,

      Paula G.

      Eliminar
  3. Querida paula,
    Muito obrigada por estares sempre presente no nosso SW e por aceitares e te desafiares com as nossas propostas.
    Adorei a tua versão e muito obrigada por confiares e adaptares a receita que partilhei.
    Um grande beijinho,
    Lia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Lia,
      É sempre um prazer ser desafiada pelo vosso maravilhoso SW!
      As vossas fantásticas propostas têm me dado a oportunidade de testar e provar deliciosas receitas do mundo, que de outra forma nunca as faria.
      Beijinhos e obrigada,
      Até ao próximo desafio!

      Paula G.

      Eliminar